Entrevista Revista FreeSP No. 34 – Analista de Mídias Sociais

No curso que apresento, o objetivo é mostrar uma visão estratégica de como gerir e criar ações em redes sociais”

Fernando Souza - Matéria Revista Free-SP

Entrevista Revista FreeSP No. 34 – Analista de Mídias Sociais

A boa notícia é que para ser Analista de Mídias Sociais não é necessário que o profissional tenha se formado em cursos superiores específicos, mas ele precisa ser “Heavy User” – termo usado para aquele usuário que se dedica navegando em busca de todo tipo de conteúdo – de internet. “Já trabalhei com analistas formados em Letras, História, Engenharia e até mesmo Biologia e Veterinária. Ele não pode é ter medo de aprender, tem que ser um eterno curioso e entender muito bem de comunicação”, alerta Souza. Ainda de acordo com o consultor digital, estudantes ou formados em cursos como Publicidade e Propaganda, Jornalismo e Relações Públicas já saem com um ponto de vantagem em relação aos demais, por estarem Diretamente ligados à comunicação. Mas para estar bem preparado o ideal é que os interessados em ingressar na área façam cursos de especialização e capacitação que auxiliam no desenvolvimento do profissional. “No curso que apresento, o objetivo é mostrar uma visão estratégica de como gerir e criar ações em redes sociais”, conta Souza que ministra um curso na Konfide, escola de marketing digital. Para se tornar um bom analista, além da internet e comunicação, é preciso saber lidar com números e Excel, ter uma ótima visão analítica, compreender todos os fatores que influenciam o mercado do cliente, economia, cadeia de suprimento e comportamento do consumidor.

Leia a Matéria Online –  Open publication – Free publishing

 Se quiser saber um pouco mais sobre o Profissional de Mídias Sociais veja:

Social Media –  Profissão e Futuro