Buyer persona

Quando queremos vender um produto ou serviço, precisamos pensar em quem vai comprá-lo. O buyer persona é um personagem fictício que ajuda marcas e empresas a imaginar e entender quem é esse cliente.

Apesar de não existir na realidade, ele é criado com base em pesquisas e estudos de consumidores reais. A tradução literal de “buyer” é comprador, enquanto persona poderia ser lido como “personagem” ou “personificação”, o que ajuda muito a entender a função.

Ao criar um buyer persona, o ideal é que o vendedor de produto ou serviço coloque o máximo possível de características: idade, gênero, hábitos de consumo e até hobbies são algumas sugestões. Também é importante que a resposta para cada um dos itens da “ficha” deste personagem seja o mais preciso possível. Não adianta inventar respostas para os itens. Elas têm que vir de pesquisas e dados para tornar o personagem o mais fiel ao cliente real possível.

Com o buyer persona criado, é possível imaginar novos produtos, serviços, soluções e melhorias personalizadas. Isso aumenta as chances de um lançamento ter sucesso. Também impulsiona um negócio como um todo, e não apenas um produto isolado.