Glossário de Marketing Digital

Metaverso

de leitura

[wp-story]

Desde 2021, quando o Facebook adicionou o Metaverso em sua marca, um novo horizonte de possibilidades se abriu. A promessa de seus idealizadores é desenvolver uma nova forma de estabelecer conexões sociais. Contudo, o projeto não fica restrito apenas a isso.

A nova realidade virtual, ou realidade aumentada, como muitos já colocaram, veio para transformar profundamente todas as atividades que realizamos atualmente, além de atrair novas tendências de mercado. Neste novo perfil de consumo, a conversão de vendas, por exemplo, dependerá em grande parte da capacidade das empresas em oferecer experiências completas e imersivas aos seus públicos.

Com a proposta de oferecer uma realidade virtual ampliada a partir de tecnologias criativas, o Metaverso coloca em xeque tudo aquilo que sabíamos sobre a internet. Assim, estamos de fato assistindo o desenrolar de uma era, cuja participação será cada vez mais ativa e menos limitada.

Não se trata mais de imaginação ou ficção científica. De agora em diante,  as pessoas poderão viver e interagir ativamente com tudo que as tecnologias virtuais podem oferecer. A experiência de usuário, os investimentos financeiros, os padrões de consumo e as relações sociais são aspectos que transversalizam essa questão.

Neste texto, abordaremos o que é o Metaverso e como os novos mercados irão se desenvolver num futuro próximo pelo conceito de realidade aumentada. Acompanhe a leitura!

Por que a realidade aumentada do metaverso é tão importante?

Muitos discutem sobre o que é o Metaverso, mas poucos buscam entender os motivos que levaram a sua criação. Em linhas resumidas, a realidade aumentada (RA) representa um grande avanço no universo tecnológico. Por meio de técnicas de sobreposição de elementos virtuais, ela modifica a maneira como enxergamos a realidade em nossa volta.

Dessa forma, muitas aplicações desta tecnologia se desenvolveram. E é justamente por isso que é importante compreender as necessidades que levaram ao rápido desenvolvimento do Metaverso. Acima de tudo, o que leva à necessidade de oferecer experiências de consumo mais imersivas e criativas é o fato de que os públicos de consumo e as comunidades de usuários são diversas e demandam soluções personalizadas.

Para dar conta de necessidades tão difusas e dispersas pelo digital, seria preciso desenvolver ações mais interativas. Explorar de forma realmente oportuna as facilidades que a conexão permite. Em suma, isso implica em expandir negócios e criar ambientes mais participativos para os públicos em geral.

Assim, os mercados e outros setores ligados à prestação de serviço se veem diante da possibilidade de otimizar os hábitos de venda e consumo por meio de ações de identificação e relacionamento com marcas. Afinal, tão interessante quanto ter uma boa ideia é poder materializá-la em forma de experiência imersiva e única.

Se antes nossas características mais próprias, como a capacidade a sinestésica, por exemplo, eram impossíveis de ser projetadas, num futuro próximo, podemos esperar que a realidade aumentada nos possibilite acessar esses sentidos a apenas alguns toques de um aparelho digital.

Portanto, o Metaverso é uma novidade tecnológica que surgiu para acompanhar as necessidades de nosso tempo. A distância geográfica se comprimiu, a conexão é ilimitada e as relações se complexificaram. Agora, é hora de participar diretamente de dentro da realidade virtual — e fazer parte dela!

 

 

 

[wp-story]

Curso marketing digital - Fernando Souza